Navegar para Cima

Notícias

Filantropia na área da saúde: como é a atuação da Rede Marista

20/04/2021
Institucional
Saiba mais detalhes sobre as ações filantrópicas realizadas no Hospital São Lucas da PUCRS

​Dando continuidade a nossa série de conteúdos que visam à compreensão sobre como a filantropia acontece em nossa instituição,​ hoje vamos falar sobre as ações de gratuidade na área da saúde. 

 O Hospital São Lucas da PUCRS (HSL) também é filantrópico e conveniado com o Sistema Único de Saúde (SUS), atendendo pacientes de todas as classes sociais e faixas etárias, em diversas especialidades médicas. Como hospital de ensino, oferece campo de estágio e de pesquisa para inúmeras faculdades e pesquisadores da área das ciências da saúde. 

O Hospital participa de forma ampla na relação com o Sistema Único de Saúde, dando suporte estratégico ao gestor na atenção de média complexidade, incluindo ações de apoio à rede de unidades sanitárias do SUS para, ao mesmo tempo, fortalecer sua capacidade de resolução e de referência nos casos que exijam assistência hospitalar. Nas demais modalidades assistenciais, como alta complexidade e serviços estratégicos, o HSL permanece como integrante de uma parceria constante com os responsáveis pela gestão da assistência à saúde da comunidade. 

Números de atendimentos e diferenciais

De acordo com a Lei 12.101/2009, a entidade de saúde deve ofertar a prestação de seus serviços ao SUS no percentual mínimo de 60% (sessenta por cento). Em 2020, foram 58.822 atendimentos em quantidade pacientes/dia pelo SUS. Além disso, o HSL tem 164 leitos de atendimento destinados ao SUS, conforme dados de 2021. 

Um diferencial do HSL é que os atendimentos SUS não são terceirizados: todos são realizados nas dependências do Hospital, pelos mesmos médicos que atendem a convênios e pacientes particulares. São profissionais de excelência, reconhecidos pela prática e pela pesquisa, oferecendo o que há de melhor para a sociedade, e devolvendo à população os investimentos públicos na instituição.​

Ampliação da telemedicina durante a pandemia

Em meio ao agravamento da pandemia, uma outra novidade: para preservar a segurança aos pacientes atendidos nos ambulatórios via Sistema Único de Saúde, e com o efetivo direcionado ao atendimento de pacientes Covid e não-Covid, o Hospital São Lucas passou a ampliar seu serviço de telemedicina aos usuários SUS que possuem consultas em seus ambulatórios, e que foram canceladas ou remarcadas diante da situação preocupante que estamos enfrentando.

Neste modelo, mais de dois mil pacientes por semana têm acesso a especialistas de áreas como neurologia, reumatologia, infectologia, endocrinologia, cardiologia, entre outras. Ainda assim, atendimentos nas áreas oncológica, obstétrica e de nefro-transplante seguem ocorrendo normalmente e de forma presencial (ou por telemedicina quando possível), assim como a infusão de medicamentos de todas as especialidades. 

A pandemia também provocou outros movimentos necessários e, desde março de 2020, o serviço precisou se reinventar com as restrições impostas: um e-mail e um número de Whatsapp - bem como uma central telefônica – foram disponibilizados para entrar em contato e agendar consultas e exames; e atender a demandas como laudos, receitas de medicamentos contínuos e especiais, além de atestados médicos, somando mais de três mil documentos e garantindo a continuidade do tratamento aos usuários. Nesse contexto, foi utilizado o serviço de Correios para possibilitar a entrega, inclusive, a pacientes espalhados por todo o país, como Rio Grande do Norte, Bahia e Santa Catarina, em áreas como neuroepilepsia e nefro-transplante.

​A equipe de enfermagem dos ambulatórios chegou a fazer – e ainda faz – atendimentos prévios para orientar pacientes e identificar casos pontuais de necessidade de consultas presenciais, respeitando os protocolos de segurança.

Esse tem sido um momento de união de esforços e que evidencia o quanto a missão de salvar vidas, baseada no cuidado ao outro, está presente na Rede Marista. Nossos valores institucionais como a presença, a solidariedade e o amor ao trabalho são reconhecidos diariamente na atuação das equipes que estão na linha de frente de forma acolhedora, atenta e corajosa, sempre a serviço dos que mais necessitam, e concretizando a perpetuidade da missão de São Marcelino Champagnat que faz parte no dia a dia do HSL.