Navegar para Cima

Notícias

Representantes da Região América Sul integram a Comissão Internacional de Missão Marista

20/01/2020
Institucional
Encontro na Casa Geral reúne representantes de todo o mundo marista

​​Entre os dias 13 e 18 de janeiro, foi realizada a primeira reunião da Comissão Internacional de Missão Marista​, na Casa Geral, em Roma. O objetivo do encontro foi estabelecer um espaço para oportunizar um diálogo de forma integrada sobre as diversas ações desenvolvidas nas frentes de missão do mundo marista, como universidades, colégios, voluntariado, pastoral juvenil, direito das crianças, entre outras. A reunião foi organizada pelo Conselho Geral em colaboração com a Secretaria de Educação e Evangelização do Instituto Marista.

O Ir. Alberto Aparício, Secretário Executivo da Região América Sul, integrou o grupo e conta que essa primeira reunião foi uma forma de compartilhar sonhos, experiências e pensar projetos para os próximos anos. “Fomos chamados a consolidar os apelos do XXII Capítul​o Geral relacionados à área de missão”, disse. “Estamos apaixonadamente comprometidos com uma missão inovadora sem fronteiras”, finalizou.

Além do Ir. Alberto, fez parte da reunião o Ir. Manuir Mentges, pró-reitor da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS), representando a Rede Internacional Marista de Educação Superior. “O encontro contribuiu para um verdadeiro espírito Marista, como família carismática global, com maior articulação em rede e compartilhamento de boas práticas entre Maristas dos 80 países, aonde a nossa presença e missão se faz presente”, celebra.

Uma única missão​

O objetivo da criação da Comissão foi integrar representações de diferentes instâncias da missão marista no mundo para refletirem de forma colaborativa sobre as suas iniciativas e processos. Foi um espaço para debater sobre as dimensões globais do Plano Estratégico do Instituto e pensar quais caminhos podem ser construídos entre os países. Confira alguns dos pontos abordados ao longo da semana:

• Necessidade de continuar descobrindo maneiras de gestão, liderança e governança que nos permitem “ser” e “sentir” como um organismo global;

• Promoção de liderança de servidores aberta e qualificada;

• Promoção de uma Cultura do Encontro e a integração da diversidade (ecologia, expressões espirituais ocidentais e orientais, diversas tradições religiosas ou culturais, etc.) nos ministérios;

• Promoção da conexão entre as diferentes redes e criação de redes a serviço da vida e missão maristas;

• Incentivo para as estratégias de rede para compartilhar recursos humanos e econômicos a serviço da vida e missão maristas, especialmente relacionadas às realidades emergentes (migração, refugiados, presenças atuais e novas, etc.);

• Promoção de uma mentalidade de solidariedade que enfatize a corresponsabilidade, a transparência, a gestão eficiente e eficaz e a sustentabilidade por meio da formação e acompanhamento profissional;

• Desenvolvimento de políticas administrativas e de gestão de recursos humanos, finanças e imóveis em todos os níveis do Instituto, com atenção cuidadosa aos diferentes contextos regionais, sociais e jurídicos.